ME VI NUM FILME

me_vi_num_filmeTive outro dia este sentimento, que só mostra o que todos sabemos ou seja nossa precariedade.

Somos um filme, mesmo que muitas vezes sem graça, desses que a gente fica com vontade de ir embora no meio da sessão.

Não, minha vida não foi um filme sem graça, isso não!

O problema das vidas pensadas como filmes é que, como nos filmes, uma hora acaba e o herói sempre morre no fim.

Por outro lado não sei se fui o herói do meu filme, acho que não.

Penso que tem pessoas que só fazem um ponta nos seus filmes mas não é o meu caso; só que herói não penso ter sido.

Aconteceram coisas bem fílmicas na minha vida assim por exemplo quase morri no meio da história, cheguei perto do fundo do poço mas consegui sair, tive vários sucessos e fracassos, enfim monotonia não houve.

Meu filme foi um filme de aventura, um drama (todo ele uma comédia não foi com certeza), um filme romântico?

Bom digamos que no que toca aos casamentos, que foram três, eu diria que o primeiro foi um pouco comédia, o segundo um filme francês desses que os casais não conseguem se entender e o terceiro um filme romântico.

O filme romântico não termina como Romeu e Julieta e eu até gostaria que tivesse sido mas não foi. Sobrou o Romeu.

E daí fico me perguntando o que fazer deste Romeu sem Julieta?

Hoje não sei responder mas amanhã quem sabe…

ME VI NUM FILME

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s